Prefeitura consegue captar recursos do Ministério do Meio Ambiente para revitalização do Rio Verruga


Por Alessandro / 15 de fevereiro de 2019

Vitória da Conquista é um dos 16 municípios contemplados pelo Edital 001/2018 do Fundo Nacional do Meio Ambiente (FNMA) e Fundo Clima, publicado em junho do ano passado pelo Governo Federal. A previsão é que a cidade receba de R$ 300 a R$ 500 mil reais em recursos para combater “vulnerabilidades climáticas ligadas à seca”.

Nesta terça-feira (12), a Secretária Municipal do Meio Ambiente, Luzia Vieira, se reuniu com representantes do Ministério do Meio Ambiente (MMA) para apresentar o projeto de Recuperação Florestal do rio Verruga. Devido a sua relevância ecológica, o rio foi o escolhido pelo Governo Municipal para a captação deste recurso.

A secretária ainda participou de uma capacitação sobre a execução e a prestação de contas dos projetos no Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse (SICONV), também promovida pelo ministério.

Projeto de Revitalização do Rio Verruga – O rio nasce no Parque Municipal da Serra do Piripiri, em Vitória da Conquista, onde foi tombado como patrimônio ambiental desde o ano de 1999. Sua bacia hidrográfica representa uma área de 918 Km² e drena a parcela Centro-Sul do município de Barra do Choça e parte da porção Norte do município de Itambé, desaguando no Rio Pardo.
De acordo com o Projeto, as ações consistem em três etapas: a Recuperação florestal da área do entorno do rio – melhorando a qualidade da água; o cercamento das áreas reflorestadas e ainda a Educação Ambiental, que através de cursos e palestras, farão o trabalho de conscientização com a comunidade, sobretudo com os estudantes da rede pública e particular de ensino.

Para a Secretária, o trabalho de recuperação do Rio consistirá na implantação de mudas ao longo dos 4.634 metros lineares de rio e 27.804 hectares da área de seu entorno. Assim, serão plantadas cerca de 20 mil mudas em sua área de abrangência, que compreende a borda da calha do leito do Rio Verruga, em área urbana, situada entre a Avenida Bartolomeu de Gusmão e o Anel rodoviário.

Informações sobre o Fundo Nacional do Meio Ambiente – O FNMA é uma iniciativa do Ministério do Meio Ambiente que, desde 1989, contribui e financia, por meio editais, propostas relacionadas à Política Nacional do Meio Ambiente (PNMA). Segundo o MMA, neste edital, foram atendidos apenas 16 entre os 205 projetos recebidos, todos de municípios nordestinos; a maioria com até 50 mil habitantes, que irão desenvolver ações como a recuperação de margens de corpos d’água, arborização de áreas verdes com espécies nativas, implantação de hortas urbanas e quintais agroflorestais, além de incentivo e fortalecimento do consumo de produtos locais e orgânicos.