MORREU TENTANDO MATAR POLICIAIS


Por João Melo / 9 de janeiro de 2019

De forma perversa a violência vem robustecendo a cada dia em Vitória da Conquista, devido à proliferação das drogas. Wellington Pereira da Silva vulgo “Paulista”, com diversas passagens pela polícia foi um elemento que contribuiu decisivamente para o crescimento da insegurança na 3ª maior cidade da Bahia. Teve aliança com o crime. Foi acusado de assaltos, dentre outros atos abomináveis. Foi preso no último sábado, após cometer um assalto em um mercado no Capinal. Ele e bando caíram nas garras da lei.
Mesmo com currículo criminoso assustador, Paulista, já estava em liberdade. Ontem, após uma diligência nas imediações da Rua São Pedro no Ceasa, a guarnição da CAESG recebeu uma denúncia dando conta que um indivíduo estava em um hotel praticando o tráfico de drogas. Os militares deslocaram para averiguar a denúncia, onde no local citado o indivíduo de alta periculosidade para tentar fugir do cerco policial, começou a atirar na direção dos policiais.
Houve confronto, onde Paulista foi alvejado e encaminhado para o Hospital de Base, mas não resistiu aos ferimentos vindo a óbito. Wellington Vulgo Paulista já tinha passagem, por tráfico de drogas, roubos e suspeita de homicídios. Com o mesmo foi apreendido um revólver calibre 38 com várias munições deflagradas, e várias petecas de maconha