MEDO DE ASSALTOS E ASSASSINATOS NO SANTA CRUZ


Por João Melo / 11 de Janeiro de 2018

MORADORES do bairro Santa Cruz estão exigindo presença da polícia com mais freqüência, pois se encontram algemados pelo medo. Dizem que os assaltos ocorrem quase que diariamente. Aumentou também a quantidade de assassinatos na região. Os habitantes têm medo de falar. Mas, anonimamente comentam sobre a proliferação de bocas de fumo.

Querem rondas. Acreditam que patrulhamento ostensivo reduziria a sensação de insegurança nas ruas. A população está com medo.  A situação, na cidade inteira, é caótica.  O policiamento deveria ser remanejado de vez em quando. Quadrilhas rivais disputam espaços e o povo sofre com isso