Jovem morre após resistir a ordem da PM. Populares dizem que foi morto “por engano”


Por João Melo / 11 de janeiro de 2018

Thiago de Souza Barbosa morreu após ser atingido por um tiro no tórax, na tarde desta quarta-feira (10). PM alega que ele portava uma arma.

Um jovem identificado como Thiago de Souza Barbosa morreu após ser atingido por um tiro no tórax, deflagrado por policiais militares da Rondesp Oeste, por volta das 17h50 desta quarta-feira (10), em São Desidério, Oeste da Bahia. Populares postaram áudios nas redes sociais informando sobre a morte de Thiago e acusando a Rondesp de ter matado o jovem por engano. A polícia informou que a guarnição avistou um veículo com dois homens no interior, em atitude suspeita. Os policiais se aproximaram para fazer a abordagem, quando Thiago desceu do veículo apontando um revólver calibre 32 para a guarnição.