Identificada mulher supostamente enterrada viva em Riachão


Por João Melo / 11 de Fevereiro de 2018

Caixão foi reaberto na noite desta sexta (9), após vários vizinhos terem declarado ter ouvido “gritos de socorro” vindos do cemitério. Caso chocou a Bahia.

Foi identificada a mulher supostamenteenterrada ainda viva. A dona de casa Rosângela Almeida dos Santos, de 37 anos, foi sepultada no Cemitério Municipal Nossa Senhora Santana,no município de Riachão das Neves, no Extremo Oeste da Bahia, no dia 28 de janeiro, conforme informação da Polícia Civil.

O corpo de Rosângela foi desenterrado na noite da última sexta-feira, 9 de fevereiro, após um coveiro ouvir gritos dentro de um dos túmulos. De acordo com informação da polícia, após o caixão ter sido retirado do jazigo, pela mãe de Rosângela, foi constatado que havia lesões nas mãos, indicando que ela tentou sair do local. Seu corpo estava virado e o algodão colocado no nariz também havia sido retirado.

LEIA TAMBEM
Cadáver sem cabeça