DENÚNCIA SOBRE EMPREGO DE DESCENDENTES DE VEREADORES NO EXECUTIVO “INCENDIARAM” A SESSÃO DA CÂMARA


Por João Melo / 17 de maio de 2017

MUITO SE TEM FALADO sobre emprego de marido e esposa  na atual administração municipal. Recentemente, através das redes sociais, foram divulgadas fotos de muitos casais que servem ao novo governo. ESDRAS TENÓRIO, (camisa esverdeada) que esteve há alguns anos apoiando o grupo no poder, mudou os rumos e no final da campanha, apoiou outras pessoas. Há pouco tempo, ele solicitou espaço na Tribuna Livre, e não escondeu sua intenção de denunciar o que ele classificou como irregularidades  no Executivo. Seu pedido para usar a tribuna foi sufocado. Estava previsto que escorreria lama fétida na sua fala.

Hoje ele conseguiu espaço na tribuna e por conta de sua fala, a temperatura esquentou no Legislativo. “Pedi aos vereadores que acionassem o Ministério Público para averiguar a situação  com mais rapidez. Dei nomes de três vereadores envolvidos com o suposto esquema de nomeações  na Prefeitura. O vereador David Salomão (PTC) se doeu, não sei por que, me acusando de ter ofendido a casa e partiu pra cima de mim”.

Ele reportou aos vereadores Álvaro Pithon, com um neto na área de coleta e destino final de entulhos; Sidney Oliveira com um filho do arquivo municipal e Lúcia Rocha que tem uma filha na coordenação “áudio auditiva”(?). Com a denúncia, ele incendiou a casa. O clima pegou fogo. Foi o assunto do dia.